Operação Pregadores: Justiça prorroga as prisões de envolvidos

Rosângela Curado, Antonio Augusto Aragão, Ideide Lopes, Luiz Marques Barbosa Júnior e Mariano de Castro Silva irão continuar na cadeia por mais cinco dias.

Na última segunda-feira (20), foram prorrogadas, pela juíza Paula Souza Moraes, as prisões temporárias de cinco dos 17 presos pela Polícia Federal durante a Operação Pegadores.

Rosângela Curado, Antonio Augusto Aragão, Ideide Lopes, Luiz Marques Barbosa Júnior e Mariano de Castro Silva irão continuar na cadeia por mais cinco dias.

Luiz Júnior e Mariano Silva são apontados pelos federais como peças centrais do esquema que desviou R$ 18 milhões da Saúde do Maranhão nos últimos anos.

Para a juíza do caso, a manutenção das prisões é imprescindível para continuidade das investigações e, ainda, porque há fundadas razões de formação de quadrilha.

Do Jornal Pequeno

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *