Câmara aprova projeto de Júnior Marreca para barrar conteúdo que auxilia suicídio na internet

Nesta quarta-feira (20/09), foi aprovado por unanimidade na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados, o parecer do deputado federal Júnior Marreca (PEN/MA) ao Projeto de Lei nº 6.989/2017, que altera o Marco Civil da Internet (Lei nº 12.965 de 23 de abril de 2014), para incluir procedimento de retirada de conteúdos que induzam, instiguem ou auxiliem a suicídio de aplicações de internet. Continue lendo

Netflix indica operadoras de internet mais rápidas do Brasil

Empresa mensura mensalmente a qualidade do serviço de internet das operadoras, uma forma de ficar de olho na qualidade de transmissão de seus vídeos

Internet: Netflix avalia dados de banda larga usados para transmitir vídeos online

A Netflix divulgou nesta semana o seu ranking mensal de mensuração de velocidade de operadoras de internet banda larga no Brasil.

Continue lendo

Ciência: Jovem de 22 anos ajuda a conter ciber-ataque mundial

O vírus foi desativado quando o domínio de internet com o qual o software tentava se comunicar foi registrado pelo jovem.

 

 

O ciber-ataque que afetou quase uma centena de países foi contido por um britânico de 22 anos, conhecido como “MalwareTech”. O jovem, que prefere manter o anonimato, teve ajuda de colegas especialistas em segurança virtual e usou um recurso considerado simples. Continue lendo

Nova ferramenta do Facebook impede compartilhar fotos íntimas

Rede social também terá monitoramento de pornografia de vingança no Instagram e no Messenger

Equipe analisará conteúdo denunciado como compartilhamento de imagens íntimas sem consentimento

Nesta quarta-feira, dia 5, o Facebook anunciou uma nova opção em suas plataformas para prevenir que a pornografia de vingança, quando imagens íntimas são compartilhadas sem consentimento, ganhe força na internet. Ao receber denúncias desse tipo de conteúdo, uma equipe especializada impedirá que ele se espalhe tanto no Facebook quanto no Instagram e no Messenger. De acordo com a consultoria norte-americana Pew Research Center, 73% dos adultos na internet já viram alguém ser alvo do revenge porn e 40% foram vítimas do abuso.

Continue lendo