Ressocialização e infraestrutura – Santa Inês é um dos primeiros municípios no interior do Estado a valorizar mão de obra carcerária


Representando o Prefeito, Felipe dos Pneus (Republicanos) e todo o município de Santa Inês, o Vice-Prefeito, Sirino Rodrigues (PTB), assinou nesta quarta-feira, 31, convênio com o Governo do Estado para instalação de programa no município que utilizará mão de obra carcerária. A assinatura foi realizada no Palácio dos Leões, sede do Governo do Estado.

A previsão é que já neste mês de abril o projeto seja iniciado. Todo o suporte estrutural será dado pela Prefeitura de Santa Inês juntamente com a Seap – Secretaria de Estado de Administração Penitenciária. Os detentos atuarão na confecção de bloquetes que serão utilizados na pavimentação de ruas, por exemplo.


O objetivo é oferecer mecanismos para a ressocialização dos apenados e ao mesmo tempo impulsionar as ações de infraestrutura e saneamento. “No tempo de crescer, o olhar é para todos os setores que compõem nosso município. O nosso objetivo é trabalhar incansavelmente para melhorar a qualidade de vida da nossa gente. E esse é um ótimo projeto que não poderíamos deixar de aderir” – destaca Sirino Rodrigues.


Tão logo assumiu a gestão, o Prefeito Felipe dos Pneus demonstrou interesse junto ao Governo do Estado em consolidar o convênio para que o projeto fosse implantado em Santa Inês. Após algumas reuniões e todo o procedimento burocrático, o convênio foi firmado.


Na prática, a prefeitura de Santa Inês vai disponibilizar uma fábrica onde os apenados vão trabalhar na confecção dos bloquetes de cimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.