Em discurso voltado aos vereadores, Dr. Gutemberg cita Bíblia, esclarece polêmica e prega união na Câmara


O vereador Dr. Gutemberg Araújo (PSC) ocupou o tempo do grande expediente, na manhã desta terça-feira (09), para fazer um pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal de São Luís, para esclarecer algumas polêmicas envolvendo seu nome, citou passagens da Bíblia e aproveitou para pregar o diálogo e união entre seus colegas de plenário.

Eu estou nesta Casa cumprindo, por determinação de Deus e do nosso povo, o quinto mandato. E os meus antigos amigos de parlamento, a sociedade, toda a comunidade da saúde, todos os nossos eleitores, sabem exatamente quem é o Dr. Gutemberg. Qual é a postura do Dr. Gutemberg. Qual é a maneira de caminhar do Dr. Gutemberg. Qual é a maneira de se posicionar, não só nesta Casa, mas na vida que ele exerce como médico, como cirurgião e professor ao longo de quase 40 anos“, disse.

O Dr. Gutemberg afirmou que resolveu ocupar a tribuna para rebater suposições que surgiram na imprensa a partir do pronunciamento do vereador Paulo Victor (PCdoB), na manhã de ontem. Ambos são pré-candidatos à presidência do Legislativo, mas o líder do PSC na Casa explicou que colocou seu nome à disposição dos colegas – eleitores do processo eleitoral interno – porque foi estimulado por seus próprios pares que conhecem sua trajetória de lutas no parlamento.

Eu fui procurado por colegas que me incentivaram a colocar meu nome para a disputa da presidência. Eu não posso negar que para qualquer um de nós é uma honraria ocupar o posto mais alto desta Casa. No entanto, ontem, fiquei surpreendido com algumas suposições de que eu estaria usando emendas parlamentares em troca de votos, mas isso não é verdade. Pelo contrário. O que tenho feito pelos colegas que me procuram, independentemente de qualquer posição, é procurar ser o interlocutor junto ao executivo para que a gente possa resolver uma situação que é de direito de todos os colegas“, disse.

Em sua fala, o parlamentar destacou que todos os colegas podem colocar seus nomes à disposição do processo de escolha, mas disse que no seu caso, pretende propor um debate voltado para a cidade e aos servidores do órgão e ao funcionamento da instituição.

O parlamentar encerrou o pronunciamento pregando diálogo e união na Câmara e citou ainda o versículo da Bíblia, do livro de Isaías 41:10, que diz “Por isso não tema, pois estou com você; não tenha medo, pois sou o seu Deus. Eu o fortalecerei e o ajudarei; eu o segurarei com a minha mão direita vitoriosa“.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.