Fantástico mostra a maior apreensão de armas do país

Polícia Civil descobriu que os 60 fuzis apreendidos no Aeroporto do Galeão vieram dos EUA escondidos e responsável é um brasileiro que vive em Miami.

Quinta-feira (1º), Aeroporto Internacional do Rio. Imagens exclusivas mostram a maior apreensão de armas já realizada no Brasil: 60 fuzis novos. Cada arma custou, em média, mais de R$ 8 mil. E seriam vendidas até por R$ 70 mil. Todas iam para as mãos de criminosos.

A investigação começou meio que por acaso, há dois anos. Foi então que a polícia refez o ‘caminho da arma’ utilizada pelo bandido. A investigação revelou o nome de Frederik Barbieri, o maior traficante de armas do Brasil. Frederik é uma figura já conhecida na polícia. Investigações apontam que ele já fornecia arma para traficantes há muito tempo. Com medo de ser preso, Frederik, natural de Irajá, subúrbio do Rio de Janeiro, teria se mudado pra Miami, na Flórida, em julho de 2012, sem registro de retorno. Frederik tem empresas de importação e exportação registradas no seu nome.

E foi do Aeroporto Internacional de Miami que saiu o carregamento de armas apreendido esta semana no Rio. A polícia chegou até esse carregamento, através do despachante de Frederik.
Márcio Pereira e Costa foi preso e revelou que duas encomendas esperavam por ele no aeroporto. A Polícia Civil já notificou as autoridades americanas sobre as atividades de Frederik.
E em nota, disse ao Fantástico que não pode falar mais sobre o caso, pois se encontra em investigação.

Fonte: Rede Globo – Fantástico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *