Empresas chegando em Santa Inês ofertando mais emprego, geração de renda e crescimento econômico


A confirmação da instalação de uma filial da maior rede de lojas agropecuárias, a Purinutre, sinaliza que este ano haverá geração de emprego em Santa Inês e, consequentemente, crescimento econômico.

O anuncio oficial de que a empresa chega à “Princesinha do Vale” foi feito nesta terça-feira, 9, pelo Prefeito Felipe dos Pneus e o Diretor de Negócios do grupo, Sérgio Filho. Após reunião, o prefeito publicou vídeo em suas redes sociais dando a boa notícia.

Durante a reunião, Felipe dos Pneus solicitou que a contratação da mão-de-obra seja 100% dos moradores de Santa Inês. E, demonstrando interesse em desenvolver o município, de pronto a empresa se comprometeu.

De acordo com a Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo de Santa Inês, além da Putinutre ainda está prevista a inauguração de pelo menos mais 7 empreendimentos de grande porte. Entre eles: Jacaré Home Center, Potiguar, Terrazoo, Abatedouro e Frigorífico Vale do Pindaré, Casas Bahia, Bio Renal – centro de hemodiálise, Lojas Nosso Lar e Sim Distribuidora de Peças.

Também é preciso destacar a expansão de empresas regionais, como a expansão do centro de distribuição da Silva Sales Home Center, a abertura e expansão de clínicas particulares, postos de gasolina e conveniências e ainda novos restaurantes e churrascarias. É preciso olharmos e valorizarmos também o investimento interno de Santa Inês que está crescendo muito nesse início de ano” – destaca a Secretária, Andreia Sales.

A estimativa é que tão logo esses empreendimentos estejam devidamente instalados em Santa Inês, o crescimento econômico seja visível. Uma outra abordagem que a Prefeitura pretende incentivar é a economia solidária. “No nosso plano de ação, pretendemos agregar à nossa secretaria, a divisão da Economia Solidaria que é uma alternativa de geração de emprego e renda visando a inclusão social” – enfatiza Andreia Sales.

Segundo o Prefeito, Felipe dos Pneus, neste período é importante encontrar mecanismos de capacitação dos profissionais de Santa Inês. “Nós temos muitas pessoas competentes, porém, a qualificação é algo contínuo. Estamos vendo uma forma de ajudar na capacitação. Talvez parcerias com o sistema S, como Sebrae, Senac por exemplo. É preciso unirmos forças nesse sentido” – conclui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.