Prefeito Felipe dos Pneus apresenta maternidade a jovem que inspirou luta pela causa

Em um momento emocionante, o Prefeito de Santa Inês, Felipe dos Pneus (Republicanos) visitou a maternidade inaugurada recentemente no Hospital Macrorregional no município. Ele apresentou a estrutura que há quase dois anos foi uma necessidade para a jovem Izadora da Silva Rocha de 20 anos.

Em agosto de 2020, quando Felipe dos Pneus era Deputado Estadual, ele apresentou na tribuna da Assembleia Legislativa reivindicação de investimento na saúde de Santa Inês. Entre as indicações estavam a Policlínica e uma maternidade. A solicitação da Policlínica foi atendida de prontidão pelo Governo do Estado.

Conforme Felipe dos Pneus relatou em seu discurso, Izadora havia perdido o primeiro filho por falta de uma UTI Neonatal. O recém-nascido faleceu a caminho da capital. Em meio a dor da perda, Izadora enviou uma mensagem ao então Deputado Estadual, Felipe dos Pneus, pedindo que ele lutasse para conseguir para Santa Inês uma maternidade. “Eu fiquei muito comovido com a história da Izadora e de imediato começamos a mobilização em busca da maternidade” – lembra.

Depois de toda articulação política, por quase dois anos, a tão sonhada maternidade foi inaugurada justamente no dia do aniversário de 55 anos de Santa Inês, 14 de março. Um presente que foi mais que especial para a jovem Izadora.

Como forma de honrar o compromisso firmado com toda a população de Santa Inês, mas principalmente com Izadora, Felipe dos Pneus a levou para conhecer a estrutura da maternidade e da UTI Neonatal. Izadora não conteve a emoção… ao visitar cada leito e a sala de parto humanizado com banheira, as lágrimas era a voz do coração da jovem mãe. “Está se passando um filme na minha cabeça em lembrar daquela situação em que meu Galleo não pôde superar. Mas estou grata por todas as mães que não vão passar pelo que vivi… só tenho a agradecer ao Felipe pela dedicação e todas as pessoas envolvidas para que isso hoje fosse realidade” – declara emocionada.

Enquanto lutava para conseguir a tão sonhada maternidade para Santa Inês, Felipe dos Pneus também se viu numa situação delicada relacionada a falta de maternidade no município. Sua filha, Maria Ester, nasceu prematura e precisou passar alguns dias na UTI Neonatal. “Além da minha situação e da Izadora, outros casos semelhantes chegaram até mim. Lembro que um dia recebi uma imagem de um pequeno caixão branco com um recém-nascido dentro. Era mais uma vítima por falta de estrutura na saúde. Não dormi aquela noite e no dia seguinte eu fui ao Palácio dos Leões e só sai de lá após falar com o Governador. Disse: tire todas as obras de Santa Inês, menos a maternidade. Graças a Deus ele se sensibilizou e hoje a maternidade é realidade” – explica.


Até esta quarta-feira, 23, houve o registro de nascimento de 14 crianças na maternidade de Santa Inês. O acesso é para mães em situação de gravidez de risco. O atendimento é feito por meio de regulação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.